Núcleo de Apoio Pedagógico - NAP

Núcleo de Apoio Pedagógico ao Ensino de Graduação

O NAP atua como um canal de apoio aos coordenadores dos cursos de graduação das Escolas da FGV/RJ que tem por competência acompanhar e supervisionar a execução do Projeto Pedagógico dos Cursos e atuar junto aos alunos e professores com vistas de aprimorar o atendimento didático-pedagógico e psicopedagógico prestado pelos cursos de Graduação. Até o presente momento, o NAP participa de forma efetiva nos cursos de Graduação em Administração, Ciências Sociais, Economia, Licenciatura em História e Matemática Aplicada

Formado por profissionais pós-graduados na área de Pedagogia, Psicopedagogia e dos demais campos da Educação, a equipe do Núcleo de Apoio Pedagógico acompanha o aluno desde o momento de seu ingresso no curso até a sua conclusão.

O acompanhamento da vida escolar do aluno através do contato pessoal visa minimizar as inquietações naturais de jovens que ingressam no ensino superior, criando melhores condições pedagógicas para seu amadurecimento e aproveitamento intelectual e reduzindo significativamente as taxas de evasão e as incertezas com a escolha do curso, encontradas geralmente nos cursos superiores.

Além disso, o Núcleo adota uma postura ativa de busca das manifestações dos alunos sobre sua experiência ao longo das atividades escolares, suas dúvidas, sugestões e necessidades especiais. Portanto, o primeiro local que você deve se dirigir para obter orientações sobre o seu curso é o NAP.

Equipe:

Coordenação Pedagógica: Helena Giolito
Assistente Técnico Pedagógico: Tatiane Rosa Santos

 

Endereço: Praia de Botafogo, 190 - 3º andar - sala: 309
Telefone: +55 (21) 3799-5910/ Fax: 55(21) 3799-6091

 

Regulamento do NAP
Guia do Aluno 2016 elaborado pelo NAP

 

Destacam-se dentre as diversas funções do NAP:
Apoiar, acolher e orientar o aluno que busca ajuda para seus conflitos e dificuldades e, por meio de uma escuta qualificada, identificar algum comprometimento emocional e, se for o caso, orientá-lo a buscar ajuda profissional;
Minimizar, por meio de aconselhamento individual ou coletivo, as dificuldades naturais dos alunos encontradas no decorrer do curso, fornecer apoio psicopedagógico para o resgate da autoestima e criar melhores condições pedagógicas para seu amadurecimento e aproveitamento individual;
Oferecer suporte pedagógico às práticas escolares, atividades de estudo, acompanhamento e desenvolvimento dos alunos;
Elaborar plano de estudo individualizado para o aluno que apresenta dificuldade de aprendizagem;
Elaborar oficinas e promover palestras sobre temas relacionados ao desenvolvimento intelectual e emocional dos alunos;
Acompanhar o rendimento acadêmico das turmas e promover reuniões pedagógicas com as coordenações dos cursos e professores;
Promover reuniões com representações de turmas e demais entidades estudantis;
Atuar como mediador na solução de eventuais conflitos envolvendo alunos, alunos e professores, alunos e coordenação, alunos e funcionários, professores e coordenação e funcionários e coordenação